fbpx

Endoscopia da coluna cervical

Endoscopia da Coluna Cervical

Vejam o vídeo de cirurgia endoscópica da coluna cervical:

– Cirurgia endoscópica da coluna cervical por via posterior postado em 2019 – Vídeo 1

– Vídeo explicando o avanço no tratamento das doenças da coluna – Vídeo 2

 

Vantagens da Endoscopia da Coluna Cervical

  • incisão na pele de 7mm;
  • preservação das fibras musculares
  • procedimento mais rápido (< 1h);
  • sangramento mínimo;
  • ausência ou mínima dor pós operatória;
  • recuperação mais rápida, retorno às atividades em poucos dias;
  • procedimento ambulatorial (hospital dia): paciente vai embora 3h após o término
  • alívio mais rápido da dor;
  • baixa taxa de infecção (associado às vantagens da realização do procedimento em Hospital Dia, nosso índice de infecção nas endoscopias da coluna é “0”);
  • alto índice de sucesso.

 

Todos esses benefícios da cirurgia endoscópica da coluna já são conhecidos para o tratamento das doenças da coluna lombar (hérnia de disco, estenoses, cistos facetários, dor facetaria) e também se aplicam às doenças da coluna cervical!

Infelizmente a endoscopia da coluna cervical é pouco conhecida e existe polêmica quanto à sua realização, a qual esclareço abaixo.

 

Acesso Posterior e Anterior à Coluna Cervical

Existem 2 acessos principais convencionais às doenças a coluna cervical, o acesso posterior e o acesso anterior. Para realizar a cirurgia convencional por trás, é necessário descolar a musculatura, o que leva a dor no pós-operatório. Além disso, as hérnias mais centrais que comprimem a medula, precisam ser tratadas pela frente. Por isso, a cirurgia pela frente se tornou muito comum, e aos poucos a técnica convencional por trás foi sendo abandonada. No entanto, ao realizar a cirurgia pela frente, é necessária a colocação de uma prótese cervical fixa (artrodese) ou móvel (artroplastia); e muitas vezes o disco intervertebral não está tão ruim a ponto de necessitar substituição. Com o avanço tecnológico, que permitiu a prática da cirurgia minimamente invasiva da coluna, o acesso posterior endoscópico percutâneo ganhou novamente seu espaço no tratamento das doenças da coluna cervical, com a enorme vantagem de descomprimir as estruturas nervosas sem a necessidade de colocar próteses e com todos os benefícios acima descritos.

Existe também o acesso endoscópico anterior, no entanto, na parte anterior do pescoço passam muitas estruturas importantes e não vale a pena introduzir uma cânula para acessar a coluna sem de fato enxergar por onde esta cânula está passando, pois há risco de lesar estruturas vitais. Na minha opinião, as cirurgias por via anterior precisam ser feitas através de pequena incisão e com instrumentos minimamente invasivos, mas não de forma percutânea. O endoscópio pode ser utilizado para magnificação, no lugar do microscópio, após a exposição do disco intervertrebral.

 

Leia mais em:

Referências:

Shen J, Telfeian AE, Shaaya E, Oyelese A, Fridley J, Gokaslan ZL. Full endoscopic cervical spine surgery. J Spine Surg. 2020;6(2):383-390. doi:10.21037/jss.2019.10.15

Zhang C, Wu J, Xu C, Zheng W, Pan Y, Li C, Zhou Y. Minimally Invasive Full-Endoscopic Posterior Cervical Foraminotomy Assisted by O-Arm-Based Navigation. Pain Physician. 2018 May;21(3):E215-E223. PMID: 29871377.

 

Prótese fixa? Prótese móvel?

Conheça a técnica cirúrgica endoscópica, minimamente invasiva, que pode resolver a dor causada pela hérnia de disco cervical sem a necessidade de prótese, sem necessidade de internação hospitalar, incisão de 7-8mm, com rápida recuperação e riscos reduzidos.

 

 

Essa técnica é realizada no Instituto Amato