fbpx
Dor no meio das costas
Dor no meio das costas
12 de abril de 2021
Cirurgia endoscópica da coluna entra no rol da ANS.
12 de maio de 2021

Doença de Baastrup

Doença de Baastrup

Tratamento de Baastrup por cirurgia endoscópica da coluna

A Doença de Baastrup, também conhecida doença da coluna que beija (kissing spine disease) ou bursite interespinhosa lombar é causada pelo contato anormal entre os processos espinhosos lombares (espinhas) que resulta em alterações degenerativas (artrose, desgaste).  

Não é uma doença comum, mas sua prevalência aumenta com a idade! Maior prevalência também presente em motoristas profissionais de veículos pesados, ginastas e atletas, possivelmente relacionado aos movimentos repetidos de flexão e extensão da coluna. Há relação também com hiperlordose, ou seja, pessoas que tem a curvatura lombar acentuada. 

Quadro clínico

A doença causa dor e tensão no meio da coluna lombar, que geralmente piora com a extensão da coluna e alivia com a flexão. 

A doença de Baastrup não causa compressão dos nervos por si só. No entanto, pode estar acompanhada de outras alterações de generativas como hérnias de disco e osteófitos (bico de papagaio) e aí sim causar dor irradiada, perda de sensibilidade e força nos membros inferiores. 

A sintomatologia costuma aumentar progressivamente, conforme a doença evolui, tornando-se quase constante e aparecendo ao movimentar a região lombar, com consequente limitação especialmente de extensão da coluna.

Diagnóstico

O diagnóstico é feito através de exames de imagem como o RaioX simples, tomografia ou ressonância magnética. As imagens mostram o contato entre os processos espinhosos associado à falsas articulações que podem estar inflamadas. 

Outras alterações degenerativas associadas podem ser encontradas, como abaulamentos discais, anterolistese, estenose de canal, etc. Nesses casos, chegar ao diagnóstico da causa é mais difícil, já que os sintomas não podem ser atribuídos, de forma exclusiva, à esta síndrome.

Tratamento

A Síndrome de Baastrup é tratada incialmente com analgésicos, inflamatórios e fisioterapia. Se o paciente não apresentar melhora, infiltrações/bloqueios na coluna costumam ajudar bastante por aliviar os sintomas e aumentar a mobilidade da coluna, sempre associado à reabilitação.

Na falha dos tratamentos acima, indica-se tratamento cirúrgico cujo objetivo é ampliar o espaço entre os processos espinhosos para que eles parem de se tocar e inflamar durante os movimentos de extensão da coluna. Hoje, realizamos esse procedimento através da endoscopia da coluna, ou seja, não é necessária cirurgia aberta!

Referências: 

Alonso F, Bryant E, Iwanaga J, Chapman JR, Oskouian RJ, Tubbs RS. Baastrup’s Disease: A Comprehensive Review of the Extant Literature. World Neurosurg. 2017 May;101:331-334. doi: 10.1016/j.wneu.2017.02.004. Epub 2017 Feb 10. PMID: 28192272.

Lin WT, Xie FQ, Lin SH, Yang RB, Shen HW, Cai XF, Chen W, Wang ZY. Full-Endoscopic Approach Forchronic Low Back Pain from Baastrup’s Disease: Interspinous Plasty. Orthop Surg. 2021 Mar 29. doi: 10.1111/os.12988. Epub ahead of print. PMID: 33783125.

 

Dr. Marcelo Amato - CRM: 116.579
Dr. Marcelo Amato - CRM: 116.579
Médico e Neurocirurgião pela Faculdade de Medicina de Ribeirão Preto da Universidade de São Paulo (USP); Doutor em Neurocirurgia (Clínica Cirúrgica) pela Universidade de São Paulo (FMRP-USP), orientado pelo Prof. Dr. Benedicto Oscar Colli; Especialista em Neurocirurgia pela Sociedade Brasileira de Neurocirurgia (SBN) e pela Associação Médica Brasileira (AMB); Especialista em Cirurgia de Coluna pela Sociedade Brasileira de Coluna (SBC) e Associação Médica Brasileira (AMB); Linha de Pesquisa em Cirurgia Endoscópica da Coluna desde 2013 pela FMRP-USP com diversos artigos e livros publicados nacional e internacionalmente; elaboração de aulas e cursos nacionais e internacionais sobre Endoscopia de Coluna, e realização de consultorias em todo território nacional ; Neurocirurgião referência do Hospital de Força Aérea de São Paulo (HFASP); Diretor do Amato - Hospital Dia;

1 Comment

  1. Eduardo Nascimento disse:

    Muito Obrigado pela informação.
    Foi útil e esclarecedora sobre uma área tão dolorosa que são as dores da coluna.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *