Cirurgia de Hipófise
18 de junho de 2015
Plástica do Crânio (Cranioplastia)
20 de junho de 2015

Cistos coloides são lesões benignas que constituem cerca de 1% de todos os tumores intracranianos. Tipicamente estão localizados nos ventrículos cerebrais, que são bolsões onde o líquido cefalo-raquidiano é produzido e armazenado. Estes cistos costumam crescer e obstruir o canal de passagem entre o ventrículo lateral e o terceiro ventrículo, este canal é chamado de forame de Monro. Desta forma, os sintomas costumam ocorrer devido à hidrocefalia, que é o acúmulo de líquido nos ventrículos cerebrais.

Os sintomas podem ser: dor de cabeça intensa com vômitos, perda de consciência, perda visual ou outros sintomas neurológicos. O diagnóstico da hidrocefalia pode ser feito inicialmente com a tomografia computadorizada do crânio mas, para identificar o cisto coloide, geralmente, a Ressonância Magnética é necessária.

    Diversas abordagens cirúrgicas foram descritas para a retirada do cisto e resolução da hidrocefalia mas, atualmente, o melhor método terapêutico é a cirurgia endoscópica. Neste procedimento minimamente invasivo, realizado através de apenas um orifício no crânio, pode-se retirar a maioria dos cistos e ainda resolver a hidrocefalia.

Para mais informações consulte o seu neurocirurgião.

Referências:

Abdou MS, Cohen AR: Endoscopic treatment of colloid cysts of the third ventricle. Technical note and review of the litera- ture. J Neurosurg 89:1062–1068, 1998

Chen F, Nakaji P: Optimal entry point and trajectory for en- doscopic third ventriculostomy: evaluation of 53 patients with volumetric imaging guidance. Clinical article. J Neurosurg 116:1153–1157, 2012

Azzazi A, AlMekawi S: Colloid cysts of the third ventricle: endoscopic versus microsurgical removal. Neurosurg Q 20:142–145, 2010

Os comentários estão encerrados.

Como posso te ajudar?